Paulo Geraldo – textos em verso

Escrevi todos os textos que encontra neste lugar. Pode utilizá-los desde que indique o autor e a fonte (http://cidadela.net). Se colocar um texto em algum lugar na internet, deixe também uma ligação para a Cidadela.
Escrevi um livro de poemas que não foi publicado e provavelmente nunca o será. Mas deixo aqui alguns poemas dele, e alguns outros, para o caso de que a Cidadela seja visitada por algum apreciador de poesia.
Na Cidadela utilizo a ortografia tradicional da Língua Portuguesa.


Procura

Buscas no mar sinais de outros assim
Que olhando entre gaivotas e rochedos
Se encontraram descobrindo onde perder-se

Portugal

Do fundo do silêncio de viveres
Gritas ao outro tempo não te sigo
És como uma nuvem que dissesse
Não vou contigo ó vento vens comigo

Por ti

Os meus passos foram sempre de combate
Pouco te olhei e não te fiz carinhos
Andei sempre nos montes nos caminhos
Mas é por ti que o meu coração bate