A verdadeira prisão que nos encerra

A verdadeira prisão que nos encerra, e da qual precisamos absolutamente de nos libertar, somos nós mesmos: a nossa tacanhez de coração e de julgamento.
(Jacques Philippe)