Janeiro 2011

Há apenas um aventureiro no mundo

Há apenas um aventureiro no mundo, como pode ver-se com diáfana claridade no mundo moderno: o pai de família. Os mais desesperados aventureiros nada são em comparação com ele. Tudo no mundo moderno está organizado contra esse louco, esse imprudente, esse louco ousado, esse homem audaz que até se atreve, na sua incrível ousadia, a ter mulher e família. Tudo está contra esse homem que se atreve a fundar uma família. Tudo está contra ele. Selvaticamente organizado contra ele… Ele e só ele está envolvido nas coisas do mundo. A única aventura que existe é a sua. Os outros estão envolvidos nas suas cabeças, isto é, em nada. Aquele que é pai está-o com todos os seus membros. Os outros sofrem por si mesmos. Só ele sofre através de outros. Os pais sofrem em cada situação. Sofrem por todas as partes. Só eles esgotaram – só eles se podem orgulhar de ter esgotado – o sofrimento temporal. Aqueles que não tiveram um filho doente não sabem o que é a doença. Aqueles que não perderam um filho, os que não viram um filho morto, não sabem o que é a dor. E também não sabem o que é a morte.

(Charles Péguy)

Há apenas um aventureiro no mundo Read More »

Passos cheios de sentido

É através do compromisso – uma opção sem retorno que em alguns casos existe sem que tenha ficado escrita num documento – que nos ligamos ao amigo, ao esposo ou à esposa, a uma tarefa em conjunto com outras pessoas… E ligando-nos aos outros localizamo-nos. Se tens filhos, tens uma tarefa e, com ela, um lugar no mundo. E todos os teus passos estão cheios de sentido. Fugindo de te amarrares, poderá chegar o momento em que perguntes a ti mesmo o que estás aqui a fazer.
(Paulo Geraldo)

Passos cheios de sentido Read More »

Criar laços

Numa época em que uma noção errada de liberdade, muito divulgada, leva a não contrair vínculos e a quebrar com facilidade os vínculos contraídos, é oportuno recordar que a liberdade é, na sua forma maior, liberdade de nos amarrarmos. É esse o significado de “criar laços”.
(Paulo Geraldo)

Criar laços Read More »